Pelo terceiro ano consecutivo, o Tribunal Regional do Trabalho da 6ª Região (TRT-PE) foi premiado na categoria Ouro no Prêmio CNJ de Qualidade (ano de referência 2018), concedido anualmente pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). A premiação foi entregue durante o XIII Encontro Nacional do Poder Judiciário, que esta semana reúne em Maceió/AL presidentes dos tribunais, corregedores, membros de associações, representantes da Rede de Governança Colaborativa do Poder Judiciário e responsáveis pela área de gestão estratégica e estatística.

“Esse tipo de reconhecimento mostra que a Justiça do Trabalho em Pernambuco está no caminho certo. Trata-se de uma conquista coletiva, fruto do empenho e do comprometimento de desembargadores, juízes, gestores e servidores”, comentou a presidente da Amatra 6, Laura Botelho, lembrando que premiações como esta incentivo o aprimoramento da instituição em vários aspectos. O Prêmio CNJ de Qualidade levou em consideração três eixos: governança, produtividade e transparência e informação.

Prêmio CNJ de Qualidade

Instituído em 2013 pelo CNJ e inicialmente chamado até o ano passado de “Selo Justiça em Números”, a premiação é obrigatória para todos os 91 tribunais brasileiros e promove o fomento da qualidade dos dados estatísticos do Judiciário, especialmente daqueles relativos ao Relatório Justiça em Números. São critérios para premiação a excelência da produção, gestão, organização e divulgação das informações dos tribunais, tanto no âmbito administrativo quanto no processual. Outra condição é o encaminhamento consistente e dentro do prazo das informações por meio do Sistema de Estatística do Poder Judiciário (SIESPJ).